Pesquisadores da APTA alinham pesquisas na área de bovinocultura leiteira

Pesquisadores da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA) da área de bovinos se reuniram em Ribeirão Preto, em 12 de dezembro, para traçar metas e cooperações nas pesquisas realizadas pela APTA Regional, o Instituto de Zootecnia (IZ-APTA), o Instituto de Economia Agrícola (IEA-APTA) e o Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL-APTA). O evento também contou com dois pesquisadores do Instituto Adolfo Lutz. O objetivo do encontro, que reuniu 14 pesquisadores, foi fortalecer a integração entre os profissionais da área de bovinocultura leiteira e promover o debate de ações e pesquisas conjuntas.

            Segundo a pesquisadora da APTA, Márcia Saladini, os participantes traçaram uma estrutura para as linhas de pesquisa na área. Ficou definido que os projetos de pesquisa já existentes serão alocados dentro das linhas dos estudos de produção de leite em sistemas integrados, abrangendo qualidade do leite, bem estar animal, melhoramento genético e nutrição. Os pesquisadores procurarão seguir esta estrutura para a submissão de novos projetos às agências de fomento.

            Para iniciar as atividades de pesquisas conjuntas será enviado à Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) um projeto temático com o objetivo de envolver os pesquisadores das unidades de pesquisa com gado de leite da APTA e com os demais representantes de outros Institutos de pesquisa. Os próximos passos dos pesquisadores serão reuniões periódicas para discutir resultados de pesquisas e as próximas ações, além de submeter um projeto conjunto a Agências de Fomento, como a FAPESP e a Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP).

Estrutura de Pesquisa com Gado de Leite na APTA

O Centro de Leite, do Instituto de Zootecnia, tem o objetivo de gerar, adaptar e transferir conhecimento científico e tecnológico para o crescimento da cadeia de produção leiteira. O Centro, localizado em Nova Odessa, possui 180 animais da raça Holandesa Preta e Branca puro de origem importado. As principais linhas de pesquisa são da área de ambiência, bem estar e comportamento animal, qualidade do leite, micotoxinas e segurança alimentar em sistemas de produção, modelagem de sistemas dinâmicos, melhoramento animal, nutrição e pastagens.

O Polo Regional Centro Leste, da APTA, localizado em Ribeirão Preto, tem seis pesquisadores trabalhando na área de bovinocultura de leite, que contam com a colaboração de outras unidades da APTA, dos Institutos de pesquisa e Universidades. As principais linhas de pesquisa da Unidade são leite biofortificado, manejo de bovinos leiteiros em clima tropical, transferência de conhecimento e extensão rural, nutrição animal e forrageira e integração entre lavoura e pecuária de leite. O local possui rebanho experimental de 160 animais, compreendendo recém-nascidos, jovens e adultos da raça Jersey. Além disso, há laboratório de processamento e análise de leite e uma mini usina de leite dentro das normas aprovadas pelo Serviço de Inspeção de Produtos de Origem Animal do Estado de São Paulo (SISP).

            A Unidade da APTA em Colina, o Polo Regional Alta Mogiana, possui rebanho Girolando de 136 animais, com produção diária de 850 litros de leite, com média de 17 litros por animal. As principais linhas de pesquisa são relacionadas à avaliação da produção e composição do leite de vacas a pasto, suplementadas com aditivos e estudos de fontes proteicas na alimentação de vacas mantidas a pasto.

            O Polo Regional Vale do Paraíba, da APTA, em Pindamonhangaba, conta com rebanho de 263 animais mestiços, das raças Mantiqueira, Girolanda e Mestiças Mantiqueiras X Holandesa. As principais linhas de pesquisa envolvem reestruturação do rebanho leiteiro, reforma e recuperação de pastagens sob diferentes tipos de preparo do solo, sistema silvipastoril, pesquisas para controle de carrapato a partir de óleos essenciais de plantas e trabalhos de transferência de tecnologia em controle seletivo de carrapatos dos bovinos em pequenas propriedades do Vale do Paraíba.

 Texto: Fernanda Domiciano

 Edição: Carla Gomes (MTb 28156)

 Assessoria de Imprensa – APTA

Notícias por Ano

Notícias por Polos