modelo cabeçalho site

Eventos Técnicos

16/08/2022 a 17/08/2022 - Encontro de Coletores de Sementes Nativas do Vale do Paraíba
De Terça-feira 16 Agosto 2022
Até Quarta-feira 17 Agosto 2022
Visualizações : 97

 

Resumo: O curso irá focar na capacitação de agricultores coletores e coletoras de sementes florestais nativas mediante oficinas de campo contendo a visita em áreas de restauração florestal, atividades de capacitação prática pelo método ‘aprender fazendo’ sobre mecanismos de coleta, beneficiamento, secagem e armazenamento de sementes florestais, além de um momento para identificação das demandas dos coletores através da avaliação coletiva do encontro. O curso também visa estreitar os laços com representantes da Rede de Sementes Vale do Ribeira e Coopygua que irão participar presencial e remotamente do evento.

Colaboradores: Júlio C. R. de Almeida – Unitau; Elisandra M. A. Riva - Unitau; Klécia G. Massi – Unesp – ICT São José dos Campos; Caminhos da Semente; Agroicone; MST – Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, Rede Agroflorestal do Vale do Paraíba, Juliano Silva – Rede de Sementes do Vale do Ribeira.

Apoio/parcerias: Coomatre/MST, Coletores de Sementes do Vale do Paraíba, Caminhos da Semente, ISA, Agroícone, UNITAU – Laboratório de Sementes, Unesp – ICT SJCampos e Rede Agroflorestal do Vale do Paraíba.

Público-alvo: coletores de sementes florestais do Vale do Paraíba, técnicos e educadores

Nº de Vagas: 40 (já preenchidas)

Endereço do Evento: APTA Regional de Pindamonhangaba – Setor Fitotecnia – Av. Dr. Antônio Pinheiro Júnior, 4009 - Acesso pelo Km 97,5 da Rod. Pres. Dutra sentido SP ou Km 98 sentido RJ. Link de acesso: https://g.co/kgs/xt9tep

Telefone: (12) 3642-1823, (12) 99636-9463

Programação:

16/8/2022 - terça-feira

Manhã –

8:00h às 8:30h - Recepção com café da manhã e prosa.

8:30h às 9:00h - Abertura - Coletores de Sementes do Vale do Paraíba

9:00h ás 10:00h - Projeto de Qualidade de Sementes Florestais e Indicadores de Plantios de Restauração com Semeadura Direta – Apta, Unitau, Unesp

10:00h ás 12:00 – Troca de Saberes de como trabalhar com os diferentes tipos de sementes I – Vale do Ribeira e Paraíba, Coopygua.

12:00h -13:30h -Intervalo para almoço

Tarde-

13:30h ás 15:30 – Troca de Saberes de como trabalhar com os diferentes tipos de sementes II – Vale do Ribeira e Paraíba

15:30h ás 16:00 – Café da tarde e prosa

16:00h ás 17:30 – O Redário e uso do aplicativo para gestão dos dados das Redes de Sementes

Noite-

Confraternização – 18:00h ás 22:00

17/8/2022 – quarta-feira

Manhã

8:00h às 8:30h - Recepção com café da manhã e prosa.

8:30h ás 11:00h – Prática de identificação de espécies e uso de ferramentas de apoio (Facebook, Whatsapp, Herbário)

11:00h ás 12:00h – Troca de Saberes de como trabalhar com os diferentes tipos de sementes III

12:00h-13:30h - Intervalo para almoço

Tarde

13:30h ás 14:30h – Troca de Saberes de como trabalhar com os diferentes tipos de sementes IV

14:30h ás 15:30h – Aprendizados e encaminhamentos

15:30h ás 16:00 – Café da tarde e prosa

16:00 ás 16:30 – Encerramento

Conteúdo da programação:

16/8/2022 e 17/8/2022

  1. 1.Abertura - Coletores de Sementes do Vale do Paraíba – Thiago, Deise

Apresentação sobre a identidade do grupo de coletores de sementes do Vale do Paraíba e boas-vindas aos participantes

  1. 2.Projeto de Qualidade de Sementes Florestais e Indicadores de Plantios de Restauração – Devide, Júlio e Klécia

           - Professor Júlio: Experiências com análise das sementes em laboratório (Laudos de qualidade e pureza) integrando as demandas de pesquisas que podem ser apoiadas acerca das espécies coletadas pelo grupo de coletores e coletoras.

               - Professora Klécia: Importância da fenologia das espécies e pesquisa sobre a restauração ecológica na região do Vale do Paraíba e resultados dos monitoramentos do desempenho das espécies em campo.

               - Antonio Devide: Apresentação sobre o projeto de parceria com a APTA, Caminhos da Sementes, ISA e Coomatre, para futura casa de sementes e também o apoio nas atividades de secagem e armazenamento, coleta de sementes e matrizes florestais mapeadas no Polo.

  1. 3.Troca de Saberes de como trabalhar com os diferentes tipos de Sementes I, II, II e IV

Práticas e troca de experiências entre os coletores, técnicos e pesquisadores a respeito segurança do trabalho na coleta, beneficiamento, secagem e armazenamento das sementes de diferentes espécies:

3.1 Introdução as boas práticas da produção e características das sementes

-Recomendações de etiquetas de identificação dos lotes de sementes

-Recomendações sobre segurança do trabalho, cuidados a se cuidar nas atividades de coleta de sementes

-Vídeo de mensagem do coletor Evandro Paiva (Apresentação, cuidados na coleta de sementes, dicas e prática de beneficiamento).

-Como trabalhar com diferentes tipos de sementes nativas (Experiências diversas na coleta, beneficiamento, secagem e armazenamento das sementes).

-Vídeo de mensagem dos grupos de coletores Coopygua do ES. (Apresentação e prática de beneficiamento de sementes)

3.2 Proposta da classificação das sementes nativas e de adubação verde.

     Sementes aladas (ipês, carobas).

     Sementes de arbustos (Solanáceas, asteráceas, malvas, lamiáceas)

     Frutos alados - sâmaras (Jacarandá-do-campo, aroeiras, guaritá, canafístula)

.     Sementes intermediárias: (Angelins, guanandi, bacupari, jenipapo)

.     Sementes ortodoxas de casca grossa (tamboril, jatobá, copaiba, guapuruvu)

.     Sementes ortodoxas de casca fina ou pequenas (urucum, guarantã, lobeira, angico)

.     Sementes recalcitrantes (cumaru, ingá, jaboticaba)

.     Exceções e desconhecidas.... (Embaúba, capororoca, quaresmeira, fumo-bravo)

  1. 4.Introdução ao Renasem e o Redário com aplicativo para gestão dos dados das Redes de Sementes – Eduardo Malta

Troca de saberes sobre Renasem e apresentação do Redário e aplicativo para os coletores: como usar as ferramentas para inserir os dados sobre as coletas de sementes, potencial de coleta, marcação das matrizes etc.

  1. 5.Prática de identificação de espécies e uso de ferramentas de apoio (Facebook, Whatsapp, Herbário)

Identificação de matrizes em campo, com caminhada na Apta para identificar espécies através de fotos com apoio de grupos do Facebook de identificação, bem como grupos de Whatsapp.

  1. 6.Aprendizados e encaminhamentos

Objetivo de fazer uma reflexão com todos os participantes sobre as atividades realizadas no encontro (O que foi bom? O que pode melhorar?), e encaminhar novas atividades futuras através da percepção e identificação de aprender novos saberes.