SAFRA: PLANO SAFRA 2005/2006 TERÁ QUASE R$ 45 BI PARA CUSTEIO E INVESTIMENTO

27/06/2005

O governo federal destinará R$ 44,35 bilhões para o Plano Agrícola e Pecuário 2005/06. O vice-presidente da Comissão de Agricultura, deputado Luis Carlos Heinze (PP-RS), antecipou os valores após encontro com o governo federal. Do total, R$ 33,2 bilhões vão para o financiamento do custeio e comercialização da produção. Segundo Heinze, o valor está "aquém da demanda do setor".

Somado aos R$ 9 bilhões para a agricultura familiar, o Plano Agrícola e Pecuário 2005/2006 totaliza R$ 53,35 bilhões em crédito rural para a próxima safra. De acordo com o governo, os novos valores representam um crescimento de 12,4% sobre o volume de recursos da safra 2004/2005. O anúncio oficial foi feito pelo ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Roberto Rodrigues, durante o 4° Congresso Brasileiro de Agribusiness, promovido pela Associação Brasileira de Agribusiness (Abag), em São Paulo.

O secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Ivan Wedekin, destacou que haverá para a próxima safra um crescimento nos financiamentos agrícolas de taxas mais baixas.

– Haverá um crescimento de 18% no volume de recursos controlados, que é aplicado aos agricultores, principalmente à taxa de 8,75% ao ano. Portanto, há neste plano um crescimento maior dos recursos a taxas mais baixas do que o volume de recursos livres – explicou.

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Roberto Rodrigues, destacou que o novo Plano beneficiará produtores rurais que tenham preocupações ambientais e com o desenvolvimento sustentável.

– Estamos inaugurando uma nova fase, adicionando 15% no limite de crédito para quem comprovar ações claras da defesa de reservas nativas, de mata ciliar ou que tenha plano nessa direção (ambiental) – explicou.

Também terá 15% de crédito complementar quem esttiver trabalhando com rastreabilidade animal – a localização do gado por chip. Segundo dados do Ministério da Agricultura, nas últimas três safras o volume de recursos do crédito rural cresceu 61% e atingirá recorde em 2005/2006. A previsão para a próxima safra é de uma produção entre 125 milhões e 129 milhões de toneladas de grãos.

Agrol

Notícias por Ano

Notícias por Polos