NOVOS MULTIPLICADORES EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM BACIA HIDROGRÁFICA SÃO FORMADOS NO CENTRO-NORTE PAULISTA

formatura

Educadores e técnicos ambientais de 11 municípios participaram, no dia 10 de agosto em Pindorama (SP), da sessão solene de formatura de novos multiplicadores, capacitados no Projeto de Educação Ambiental “Bacia Hidrográfica: Um Instrumento na Educação” - FEHIDRO TG 350/2009. Este é o terceiro grupo de formandos em capacitação técnico-pedagógica de educadores do projeto que, com a turma 2011/12, já somam 185 participantes.
 
O projeto, realizado no Polo Centro Norte/APTA Regional da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, é coordenado pelo pesquisador Antonio Lucio Mello Martins, e recebe recursos financeiros do Fundo Estadual dos Recursos Hídricos (FEHIDRO) por intermédio do Comitê de Bacia Hidrográfica dos Rios Turvo e Grande CBH-TG.
 
Foram 192 horas de atividades, que abordaram, no período de maio/2011 a junho/12, temas como Bacia Hidrográfica, água e solo, por meio dos quais se trabalharam conceitos técnicos específicos em atividades interdisciplinares. O resultado foi surpreendente, com a execução de cerca de 25 projetos pedagógicos de curto, médio e longo prazos, diz Maria Conceição, bióloga e responsável pelas atividades técnicas e pedagógicas do projeto. O projeto contribuiu para fortalecer a articulação entre os municípios na bacia hidrográfica e gerar ações efetivas como georreferenciamento e análise in loco em nascentes e áreas de proteção permanente (APP).
 
Entre as atividades realizadas, destacam-se exposições, eventos culturais (dinâmicas de reconhecimento de microbacias locais), instalação do Centro de Educação Ambiental em Unidade de Conservação-Parque e Jardim de Plantas Medicinais e Sensoriais que atingiram a comunidade regional. Conceição cita ainda a ação de educadores de Itajobi, que divulgou as atividades da capacitação de educadores “módulo solo” aos técnicos da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI). O propósito foi o de promover a participação destes representantes em evento técnico para produtores rurais e que resultou no I encontro regional de produtores de limão previsto para setembro próximo.
 
Para este semestre, está previsto o início de novo grupo de educadores envolvendo doze novos municípios de diferentes regiões da Bacia Hidrográfica do Turvo e Grande, empreendimento FEHIDRO TG 402/2011. As expectativas são as melhores possíveis, acreditam Martins e Conceição. “Os resultados apresentados até agora demonstraram que este projeto articula a integração de ações educativas entre instituição de pesquisa, escola, instituições parceiras e comunidade, promovendo a sustentabilidade do desenvolvimento regional, com proteção dos recursos hídricos no contexto de educação ambiental em Bacia Hidrográfica.”
 
Participaram da última formatura de multiplicadores representantes dos municípios de Ariranha, Fernandópolis, Mirassol, Guapiaçu, Catanduva, Olímpia, Orindiuva, Santa Adélia, Tanabi, Itajobi e Pindorama.
 
 
 

Notícias por Ano