CNPQ TEM SETE EDITAIS ABERTOS QUE FINANCIAM PROJETOS VOLTADOS PARA A ÁREA DE RECURSOS HÍDRICOS

05/10/2006

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) está com inscrições abertas para sete editais até o final deste ano. Os editais CNPq/CT-Hidro são voltados para as áreas de recursos hídricos e apóiam projetos desde a concessão de bolsas de estudos para Mestrado e Doutorado para aumentar o número de profissionais que atuam com o tema, até equipar laboratórios de análises. Os links para os editais estão disponíveis nesta reportagem, ou no site do CNPq, www.cnpq.br 

 

Os editais MCT/CNPq/CT-Hidro nº. 37 e 39/2006 devem investir, no total, R$ 5 milhões para capacitação em hidrometria, voltadas para a formação e o aperfeiçoamento de técnicos de nível médio na área, e apoiar pesquisas em taxonomia de organismos aquáticos de águas brasileiras, com potencial para utilização de bioindicadores de qualidade da água. O prazo para as inscrições termina em 26 de outubro. Mais detalhes sobre os dois editais nos endereços:

http://www.cnpq.br/editais/ct/2006/037.htm

http://www.cnpq.br/editais/ct/2006/039.htm

 

Com inscrições que encerram em 03 de novembro, o edital MCT/CNPq/CT-Hidro nº. 038/2006, tem por objetivo promover a capacitação de agentes gestores de recursos hídricos vinculados a órgãos públicos estaduais e entidades de bacias hidrográficas que possuam competências relacionadas com a gestão de recursos hídricos, visando ao desenvolvimento de atividades de extensão inovadora e transferência de tecnologia, com investimento de R$ 2 milhões. Leia mais sobre o edital no endereço: http://www.cnpq.br/editais/ct/2006/038.htm

 

O edital MCT/CNPq/CT-Hidro nº. 40/2006 apóia programas de pós-graduação que desenvolvem linhas de pesquisa ligadas as áreas de recursos hídricos. O apoio será por intermédio da concessão de bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado júnior. Para atender a concessão das bolsas, será disponibilizado o recurso global estimado em R$ 9,4 milhões, do Fundo Setorial de Recursos Hídricos (CT-Hidro).

 

As propostas devem abordar uma das áreas prioritárias. São elas: o gerenciamento de recursos hídricos; a conservação da água no meio urbano; a sustentabilidade nos ambientes brasileiros; e o uso integrado e eficiente da água.  Prazo para envio das propostas vence em 15 de dezembro, e o início das contratações dos candidatos selecionados está previsto para março de 2007. Leia mais sobre o edital CT-Hidro nº 40 no endereço: http://efomento.cnpq.br/efomento/

 

Já as inscrições para os editais MCT/CNPq/CT-Hidro nº 44 e 45/2006 terminam dia 30 de outubro, para apoiar redes de pesquisa que determinem e avaliem a vazão ecológica em cursos d’água de bacias hidrográficas brasileiras e, também, o uso sustentável das áreas úmidas do país. Os recursos chegam a R$ 5,6 milhões, provenientes do Fundo Setorial de Recursos Hídricos (CT-Hidro).

 

As propostas ao edital 44 deverão focar a melhoria dos ecossistemas úmidos e contribuir para elevar a qualidade de vida da população, saúde e bem-estar, além de proteger o patrimônio natural. Outro objetivo é apoiar projetos que proporcionem um maior conhecimento sobre as áreas úmidas brasileiras, subsidiando e otimizando a aplicação dos instrumentos de gestão em recursos hídricos.

 

Quanto ao edital 45, as pesquisas devem compatibilizar aspectos hidrológicos, limnológicos, ecológicos e socioeconômicos dos regimes de vazões, para subsidiar estratégias de aplicação de instrumentos de gestão de recursos hídricos, alocação negociada de água e operação de reservatórios, que promovam o uso múltiplo da água, reduzam impactos ecológicos relevantes derivados de usos atuais e projetados da água, inclusive da operação de reservatórios. Mais informações sobre esses editais nos endereços:

http://www.cnpq.br/editais/ct/2006/044.htm

http://www.cnpq.br/editais/ct/2006/045.htm

 

O mais recente edital lançado pelo CNPq é p MCT/CNPq/CT-Hidro – nº 047/2006 que visa equipar laboratórios que trabalhem com isolamento e identificação de cianotoxinas no sentido de promover a remediação do seu impacto nos recursos hídricos. O edital é dividido em duas chamadas, com os seguintes temas: Caracterização e cristalização de proteínas; Estudo das toxinas (microcistina, saxicitoxina e anatoxina); Estudo das cianobactérias e suas linhagens; Extração, purificação e isolamento de cianotoxinas; Cultivo de cianobactérias; Biotecnologia aplicada às cianotoxinas; e Tratamento de áreas impactadas por cianotoxinas.

 

As propostas devem ser enviadas até o dia 03 de novembro, e o valor do financiamento é de R$ 3,1 milhões. Mais detalhes sobre o edital no endereço: http://www.cnpq.br/editais/ct/2006/047.htm

 

 

Texto produzido pela Assessoria de Comunicação

comunicacao@aptaregional.sp.gov.br

Priscila Tescaro - jornalista

(19) 3743-1698

Notícias por Ano