AULA PRÁTICA PARA FUTUROS TÉCNICOS EM MEIO AMBIENTE NO POLO REGIONAL CENTRO SUL



Uma aula prática de solos foi realizada no dia 28 de novembro de 2012 na área experimental do Polo Regional Centro Sul, em Piracicaba - APTA, pelo pesquisador André Cesar Vitti e a engenheira ambiental e professora Nadia Valério Possignolo. A aula prática, denominada “Estudo das características morfológicas do perfil do solo”, contou com a participação de 20 alunos do Curso Técnico em Meio Ambiente oferecido pelas Escolas Técnicas do Brasil (ETB).

O objetivo da aula foi o de fazer com que os alunos compreendessem como se formam os solos e, principalmente, percebessem a sua importância para o ser humano e a necessidade de cuidar desse recurso natural. Além disso, a aula serviu como instrumento de apoio ao ensino de solos para alunos que, paralelamente ao ensino médio, cursam o ensino técnico.

Segundo os professores, a ideia dessa atividade de extensão foi a de mostrar aos alunos e futuros técnicos em meio ambiente que o solo não é uma composição isolada, mas é parte integrante e fundamental do ambiente natural que os cerca, sendo importante não somente no meio rural, mas também no meio urbano.

A aula foi desenvolvida de forma dinâmica. O pesquisador André Vitti procurou aproveitar as experiências dos alunos sobre a temática. Além disso, novos conhecimentos foram adquiridos pelos alunos em relação aos fatores que influenciam o intemperismo dos solos e a classificação brasileira de solos. Os novos conhecimentos foram exercitados em campo, através da análise tátil-visual dos horizontes do perfil do solo, onde os alunos puderam classificar a cor, textura, estrutura, porosidade, cerosidade e consistência do solo.

foto1noticia

Formação profissional
Atualmente, a maioria dos jovens brasileiros em idade escolar foca seus estudos pensando na sua formação profissional. Esse cenário compreende os cursos técnicos, pois o mercado muitas vezes não espera pela formação em longo prazo de um candidato. Por isso, muitas empresas requisitam a contratação de técnicos que se graduarem em cursos mais enxutos e com mais prática do que teoria em relação à graduação.

Para viabilizar o crescimento econômico de forma sustentável, o governador Geraldo Alckmin, por exemplo, defende a formação de novos profissionais e a qualificação da mão de obra disponível. Nesse contexto, surge o Curso Técnico em Meio Ambiente, que, de forma geral, tem o objetivo de capacitar o aluno a compreender as relações existentes entre os elementos dos meios físico, natural e sócio-cultural.

Considerando as bases tecnológicas desse curso, uma das disciplinas oferecidas é a de uso e conservação do solo que visa fornecer aos alunos métodos para o planejamento do uso e manejo do solo.

Para trocar experiências ou esclarecer dúvidas, o interessado pode entrar em contato com a professora Nádia Possignolo pelo e-mail nadia_valerio@yahoo.com.br .


foto2noticia

 
Pesquisador Científico do Polo Regional Centro Sul -APTA

André Cesar Vitti

19 - 3421-5196
 
Assessoria de Comunicação da APTA

 

José Venâncio de Resende

 

11 - 5067-0424


 

Notícias por Ano