APTA REGIONAL: CURSO SOBRE SERINGUEIRAS NO PÓLO REGIONAL DA ALTA MOGIANA

18/04/2005

Você sabia que o Brasil importa 65% da borracha que utiliza? Que o Brasil já foi o únicop produtor do artigo em todo o mundo? Que o Estado de São Paulo produz 50% de toda a borracha que é produzida no País? Diante de um cenário tão promissor, o Pólo Regional da Alta Mogiana, na cidade de Colina, realiza mais uma etapa do Curso de Capacitação de Produtores Vistando a Diversificação de Culturas com a Seringueira no próximo dia 26, terça-feira, a partir das 17 horas, na Escola Técnica Agropecuária Municipal São Francisco de Assis.

O tema dessa etapa será Implantação e Condução do Seringal e a organização do evento espera atrair os produtores da região de Colina. Na primeira aula do curso o tema abordado foi Histórico, Viabilidade Econômica e Perspectivas, que foi realizado no final do mês de fevereiro. A segunda etapa aconteceu em março, com o tema Viveiros e Produção de Mudas.

Segundo o pesquisador científico José Antonio Alberto da Silva, a intenção do curso é despertar o interesse das pessoas na produção de seringueiras, além de transformar a Fazenda do Pólo Regional da Alta Mogiana no maior Centro de Excelência das Américas em Heveicultura.

Para atingir esse objetivo os pesquisadores envolvidos no projeto estão plantando uma das maiores áreas de produção de borbulhas, com um jardim clonal com 10 mil plantas produtoras.

O curso sobre o projeto das Seringueiras é uma parceria da Apta Regional - Pólo Regional da Alta Mogiana, Sebrae, Sai, Cati, e Etam (Escola Técnica Agropecuária Municipal de Colina).

Quem quiser mais informações sobre o curso e os próximos temas pode entrar em contato pelo telefone (17) 3341-1400, ou pelo email jaas@aptaregional.sp.gov.br com o pesquisador científico José Antonio Alberto da Silva.

Texto produzido pela Assessoria de Comunicação

Notícias por Ano

Notícias por Polos